100%

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans Sessão Ordinária e Extraordinária da Câmara de Vereadores do dia 13 de novembro
Izabel Cristina Durante Lunardi
Assessora de Imprensa
 
Sob a presidência do vereador Lucas Canever Librelato – PSDB, a Sessão Ordinária da 18ª Legislatura, nesta segunda feira (13/11) do ano de 2017 ocorreu de forma tranquila com os dois projetos em pauta, aprovadas por unanimidade dos senhores edis, sendo que; Na mesma noite, logo após esta Sessão Ordinária que deu inicio as 18h foi realizada uma Sessão Extraordinária em período ordinário, onde foi apreciado e aprovado o parecer verbal nº 73/2017, que anula dotação orçamentaria, também foi aprovado por unanimidade.
 
Na Ordem do Dia:
  • PROJETO LEI COMPLEMENTAR PE Nº 24/2017 “Que autoriza o Poder Executivo Municipal a cobrar multa por não prestação de contas da Nota Fiscal de Produtor e dá outras providencias”.
 
  • PROJETO LEI COMPLEMENTAR PE Nº 66/2017 “Que Regulamenta o serviço de transporte escolar para os alunos da rede municipal e estadual no âmbito municipal e dá outras providências”.
 
Justificativas dos Projetos:
O projeto de Complementar Lei PE Nº 24/2017 tem por objetivo o bom funcionamento do Setor de Agricultura do Município, porquanto, alguns produtores estão procrastinando na entrega da contra nota, o que traz prejuízo ao lançamento no sistema e repasses do Estado.
O Projeto de Lei PE Nº 066/2017 tem por objeto regularizar o transporte escolar ofertado aos alunos da rede municipal e estadual, para melhor atender a demanda do município.
 
No Uso da Tribuna:
Os Vereadores Udir Luiz Pavei – PSD e Antonio Dias André PMDB preocupados com o possível fechamento da escola municipal da comunidade da Taipa levantaram o referido assunto que deverá ser esclarecido pelo secretario de educação na próxima sessão ordinária
 
 
Protocolos desta Publicação:Criado em: 14/11/2017 - 16:44:03 por: Izabel Cristina Durante Lunardi - Alterado em: 14/11/2017 - 16:44:03 por: Izabel Cristina Durante Lunardi

Notícias

Eleita a nova Mesa Diretora
Eleita a nova Mesa Diretora

A eleição da Nova Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Orleans aconteceu neste sábado (15/12), às 10 horas da manhã.
No final, vitória da Chapa 2 por 06 votos a 05. Resultado que conduz o Vereador Hildegart Tessmann Durigon (PSDB), como presidente do legislativo para 2019.
A eleição foi acompanhada por diversas pessoas, familiares e amigos dos componentes, que acompanharam a votação diretamente do plenário e pela TV Câmara através do site do Legislativo.
Hildegart comandará a casa legislativa em 2019, juntamente com a mesa diretora composta pelo Vice Presidente:  Vereador Valentim B. Sobrinho (MDB),  1° Secretário: Vereador Lucas Librelato (PSDB), 2° Secretário: Vereador Pedro João Orbem (MDB).

Duas Chapas concorrem para a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Orleans
Duas Chapas concorrem  para a Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Orleans

Devidamente inscritas, duas chapas concorrem para a Presidência da Casa Legislativa para o próximo ano.
A Eleição que será neste dia 15 de dezembro e apresenta a Vereadora Mireli Debiasi Perico - PSDB "chapa 1" como candidata a presidente, seguida dos vereadores Osvaldo Cruzetta (PP) - Vice presidente, Paulo Canever (PSD) - 1º secretário e Rodinei Pereira(PSD) - 2º Secretário; Por sua vez, o vereador Hildegart Tessmann Durigon - PSDB concorrendo pela chapa "2" seguido pelos vereadores Valentim Bardini(PMDB) - Vice Presidente, Lucas Librelato (PSDB) 1º secretário e Pedro João Orbem (PMDB) 2º secretário.

Mais de 4 mil Municípios participam de consórcio público, segundo mapeamento da CNM
Mais de 4 mil Municípios participam de consórcio público, segundo mapeamento da CNM

Dos 5.568 Municípios, 4.081 participam de pelo menos um consórcio público, segundo mapeamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM). Pelos dados da entidade, existiam 491 consórcios públicos no Brasil, entre 2015 e 2017, com grande concentração de consorciados nas regiões Sul e Sudeste. O que representa parcerias formadas por dois ou mais Entes da federação – Municípios, Estado e União –, para a realização de objetivos de interesse comum, em qualquer área. “Há...

TCU veta uso de R$ 95 bi de dívidas da União a Estados para pagar professores
TCU veta uso de R$ 95 bi de dívidas da União a Estados para pagar professores

O Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu nesta quarta-feira, 5 de dezembro, que as verbas que a União deve a Estados por ter deixado de completar recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef) — que podem chegar a R$ 95 bilhões — não podem ser utilizadas para pagamento de salários, dívidas trabalhistas ou bônus a professores ou servidores públicos. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) vem...

CNM divulga valores do 1% extra do FPM
CNM divulga valores do 1% extra do FPM

O repasse adicional de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de dezembro deve ser depositado até às 18h desta sexta-feira, 07 de dezembro. A previsão da Confederação Nacional de Municípios (CNM) é de que o montante chegue a mais de R$ 4 bilhões. Ou seja, um crescimento de 7,13% comparado a 2017. O recurso extra é proveniente da arrecadação do Imposto sobre Produto Industrializado (IPI) e do Imposto de Renda (IR) contabilizada entre o início de dezembro do ano...

Sessão Ordinária do Dia 05 de Novembro
Sessão Ordinária do Dia 05 de Novembro

Sob a presidência do vereador Pedro João Orbem – MDB, a Sessão Ordinária da 18ª Legislatura, nesta segunda feira (05/11) do ano de 2018 contou apenas om 1 (uma) indicação na Casa, que devidamente discutida, foi aprovada por unanimidade dos presentes.

Sessão Ordinária do Dia 22 de Outubro
Sessão Ordinária do Dia 22 de Outubro

Sob a presidência do vereador Pedro João Orbem – MDB, a Sessão Ordinária da 18ª Legislatura, nesta segunda feira (22/10) do ano de 2018 aconteceu de forma tranquila e ordeira. Na secretaria da Casa a pauta contou com 3 (três) projetos e 2 (duas) indicação na Casa, que devidamente discutidos entre os nobres edis, foram aprovados em sua totalidade.