100%

Apresentação, Atividades e Mandatos

Pedro João Orbem

Nome: Pedro João Orbem
Filiação: PMDB
Estado Civil: Casado(a)
Telefone: (48) 3466-4097
E-mail: camara@orleanscamara.sc.gov.br
Profissão: Comerciante

Site/Página: Clique aqui para acessar

Existe alguma fórmula capaz de ser seguida para que se venha tornar-se um líder a ser seguido? Quais os ingredientes que compõe essa fórmula se ela existe realmente? Honestidade? Visão? Altruísmo?

Talvez tudo isso e mais alguma coisa, mas a nosso ver uma verdadeira LIDERANÇA POLÍTICA além desses ingredientes tem mais é que amar muito a terra onde nasceu. Esse homem parece ser nosso entrevistado Pedro João Orbem, porque a única explicação para estar a tanto tempo como parlamentar na Casa do Povo é sem dúvida esse seu amor por Orleans e seu povo.

É certo que os Orbem, que já sabemos são tradicionais na região, tem tido uma participação decisiva nas eleições municipais. Os familiares de Pedro João a começar pelos progenitores o senhor e senhora João e Maria Borghezam Orbem, são pessoas comuns que labutam muito para ter seu espaço ao sol. E esta é a marca mais importante na vida de nosso nobre edil, seus pais um bem precioso.

Pedro João que nasceu a 29 de junho de 1956, desde idade precoce aprendeu a necessidade de ter responsabilidades perante a vida e se dedicou a auxiliar seus pais nas lides agrícolas, notadamente na produção de farinha e fumo. À casa de seus pais esteve ligado até completar 22 anos de idade, vivendo todos no interior do município. Mais tarde em 1979 veio organizar-se com um pequeno comércio no centro da cidade e instalou-se com a família em sua nova residência. Esse período de sua vida vivenciou até 1982, quando; buscando alternativas profissionais translada-se para o município de Tubarão ingressando numa cerâmica de pisos, setor muito forte naquela cidade.

Após dois anos na atividade refletiu se não seria melhor voltar e dar continuidade à sua lanchonete e retorna a Orleans para essa finalidade. Assim se sentia muito mais feliz. E por falar em felicidade, isso só seria completo após seu enlace matrimonial com Maria Elizabete Orbem que se deu a 26 de julho de 1982. Ela também é comerciante, portanto falam a mesma linguagem profissional e prova de seu afeto um pelo outro é a continuidade da casta através de seus três filhos: A Francielle, o Jonas e a Erica.   

Bem, que tal retornar um pouco no tempo para lembrarmos alguns detalhes sobre a vida educacional que auxiliou Pedro a vencer na vida? Ele não se esquece de sua iniciação junto à Escola Honofre Leopoldo onde principiou o ensino fundamental. Mais tarde seguindo caminho natural conclui o ginásio no Seminário São José; ambos os educandários na cidade de Orleans. Pedro João confessa-se muito orgulhoso de sua atividade profissional e fala com júbilo que através disso consegue sustentar a família e cobrir as despesas de faculdade dos filhos.

A decisão para uma participação na vida pulsante da cidade como político viria depois de um período de amadurecimento, principalmente junto aos familiares. Tomou a decisão e veio filiar-se a convite do empresário Vianei Redivo para perfilar como militante do PMDB no ano de 1988. À época Redivo era presidente do Tênis Clube de Orleans.

Sempre fiel às suas origens partidárias, Orbem resolve arriscar sua primeira eleição em 1996. Arriscar é força de expressão, que expressa realmente as dificuldades de se atingir a meta. Tanto isso é verdade que muitos são os chamados e poucos os eleitos.

No caso de Pedro João a primeira prova foi difícil e não conseguiu seu ingresso permanecendo na suplência com, vejam só a excelente marca de 408 votos. Mas já para o ano 2000, bem mais preparado atinge sua meta colocando-se entre os parlamentares que se elegeram naquele pleito com a quantidade de 329 votos. Desta feita precisou menos do que da primeira vez e acabou se elegendo em função da Legenda Partidária. O mesmo se replicou em 2004 com a impressionante marca de 575 votos e ainda em 2008 com 758 votos, denotando seu crescimento e popularidade junto ao eleitorado.

Ainda que tenha permanecido na sua primeira eleição como suplente, afirma ter assumido por um período de três meses, fato que o alegrou sobremaneira. Recorda-se ainda que no ano 2000 compôs a Mesa Diretiva na qualidade de Segundo Secretário. Sempre procurou o envolvimento com as preciosas comissões que fazem a análise de matéria que vai ou não para deliberação dos parlamentares e nessa condição esteve presente na Comissão de Redação Final nas legislaturas do ano 2000 e 2004.

Se existe uma fórmula para criar Lideranças não se sabe, o fato é que o amor à terra manda muito. Em todas as suas legislaturas, e até independentemente delas o balanço é bastante positivo, pois o nobre edil auxiliou deveras o setor agrícola do município com importantes subvenções que trouxeram recursos para a compra de importantes materiais para amenizar a situação de agricultores menos favorecidos.

Tem ainda em seu legado a conquista de uma subvenção no valor de R$300 mil para a ampliação de salas de aula da UNIBAV – beneficiando portanto um número maior de alunos e professores, tanto como a própria entidade.