100%

Sessão da Câmara de Vereadores de Orleans do dia 26 de Outubro

Sessão da Câmara de Vereadores de Orleans do dia 26 de Outubro Rede Feminina usa a Tribuna da Câmara de Vereadores em comemoração aos 18 anos de criação em Orleans
No Uso da Tribuna:

Mirelle Debiasi,  fez um relato da trajetória da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Orleans, fundada em 1997 e completa 18 anos neste mês de outubro. A entidade conta com 36 voluntárias e atende de segunda a sexta-feira, das 13h30min às 17h30min. "Os serviços prestados às mulheres de nossa comunidade são realizados com muito amor e dedicação. Os trabalhos são divididos em várias equipes para realização do exame preventivo do colo do útero, para visitas aos doentes do hospital, grupo de apoio, brechó solidário, encaminhamento para mamografia, atendimento médico na própria sede, atendimento psicológico, palestra em empresas, escolas, clubes de mães e igrejas e também o grupo da missa na capela do hospital”, contou.
Mirelle falou ainda das ações e programas realizados na campanha “Outubro Rosa” em 2015. "No dia 1º participamos da Caminhada Pela Vida; no dia 13 participamos do 1º Meta Fashion Week; dia 14 tivemos uma missa na Igreja Matriz em celebração aos 18 anos da Rede Feminina; no dia 15 realizamos uma palestra na CDL de Orleans; no dia 16 demos uma palestra na Librelato; no dia 21 participamos do Jornal do Almoço da RBS TV de Criciúma; no dia 23 participamos de um evento de prevenção na loja Talismã Calçados; também no dia 23 realizamos uma palestra sobre prevenção na Igreja Batista de Orleans; no dia 24 realizamos o Bazar Solidário na sede da Rede Feminina; no dia 27 participaremos de uma gravação para o programa de TV Mais Mulher; no dia 28 teremos uma palestra na Liplast em dois turnos; dia 29 faremos uma palestra em uma escola de Pedras Grandes; e, no dia 30, vamos participar do Unibave Rosa”, enumerou.
Em relação aos serviços prestados, foram realizadas 59 visitas na Fundação Hospitalar Santa Otília – FHSO e 12 visitas a paciente com câncer em suas casas, 80 consultas e 36 retornos com a médica ginecologista, 80 mulheres foram encaminhadas para realização da mamografia e 76 mulheres para consulta em médicos especializados com preços mais acessíveis em Criciúma, através de Convênio da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Orleans, oito palestras e três atendimentos gratuitos semanais com psicólogo, participação de 35 mulheres por semana no grupo de apoio, 1.050 coletas do exame preventivo do colo do útero até a última semana e cinco encaminhamentos de mulheres para biópsia.
A Rede Feminina de Orleans recebe auxílio de R$ 1 mil mensamente da Administração Municipal, valor este que não é suficiente para suprir todas as necessidades. "A Rede Feminina não possui telefone fixo, todas as ligações são feitas pelo telefone celular da presidente e das voluntárias, também não possui carro ou outros tipos de ajuda para realizar os trabalhos, há também outras despesas com material de escritório, faxineira, material de divulgação da prevenção, reparos eventuais, lanches para grupo de apoio que se encontra toda segunda-feira. Este ano, a Rede Feminina precisava urgentemente de uma reforma e nós conseguimos o piso com a empresa Itagres e as tintas com a empresa Anjo Química. As outras despesas com materiais de construção e mão de obra ainda estão sendo pagas, graças ao nosso esforço em ações como rifas, pedágio, bazar e venda de camisetas. São atendidas em média 250 mulheres por mês e eu pergunto para vocês: atendendo essa demanda, uma entidade pode sobreviver com R$ 1 mil mensalmente? Precisamos também de uma enfermeira contratada para trabalhar exclusivamente na Rede Feminina e estamos nessa luta há mais de três anos. Será que esse número, junto às nossas 36 voluntárias, não possui nenhuma importância ao poder público? Sem falar daquilo que não pode ser quantificado, que é o apoio oferecido todos os dias na Rede Feminina. Não estamos aqui para pedir dinheiro, mas sim pedir condições para trabalhar”, destacou.

Na Ordem do Dia:

Os nobres vereadores rejeitaram por unanimidade o Projeto de Lei do Executivo – PE nº 42 de 2015, que dispõe sobre denominação de via pública, de autoria do prefeito Marco Antonio Bertoncini Cascaes (PSD). A decisão do chefe do Executivo gerou polêmica na sessão ordinária de segunda-feira (26). O objetivo seria nominar como Rodovia Jacinto Loli Alberton a estrada com início na ponte Giácomo Coan e término na Estrada Geral de acesso ao Rio Pinheiros Alto, localizada em Orleans. 

“Encaminho à apreciação desta Colenda Casa Legislativa o Projeto de Lei que dispõe sobre a denominação de via pública. O presente projeto pretende homenagear o senhor Jacinto Loli Alberton, nascido neste município, na comunidade do Rio Belo. Sua história está retratada no livro Orleans 100 anos de Emancipação Político-Administrativa, escrito por Xilo Bussolo. Impende ainda mencionar que o Decreto Legislativo n° 2, de 29 de abril de 2014, consoante já informado no Ofício n° 2.808, encaminhado a esta Casa Legislativa, padece de nulidade, em razão de vício em sua origem, já que a competência para nominar ruas é exclusiva do Poder Executivo, sendo necessária a apreciação por esta Casa Legislativa”.

Entretanto, conforme diz na justificativa, um Decreto Legislativo nomeando a via pública já havia sido votado e aprovado por unanimidade pelos vereadores em abril do último ano. O vereador Osvaldo Cruzeta (PP) discordou da decisão do prefeito. “Neste projeto de lei, o prefeito colocou a Casa em uma dificuldade muito grande. Em abril de 2014, aprovamos por unanimidade o Decreto Legislativo que dá para esta rua o nome de Fernando Alberton Coan. Temos o abaixo assinado da comunidade com 47 assinaturas. Agora, o que acontece, o prefeito manda projeto para esta Casa tirando este nome, indicando o nome de Jacinto Loli Alberton. Nada contra o ex-vereador Jacinto, que era uma ótima pessoa e também merece. Mas vamos votar contra porque vamos ter a coerência de manter o que já foi votado nesta Casa. A família até ficou constrangida porque querem derrubar a decisão, como fica a família homenageada? É muito feio, muito triste”.


Para resolver o impasse, foi aprovada por unanimidade a indicação nº 43 de 2015 para que a Câmara de Vereadores elabore Decreto Legislativo para nominar a Estrada Geral Rio Novo com o nome de Jacinto Loli Alberton. Os vereadores autores da indicação são Angela Maria Fenilli Bratti, Antonio Dias André, Cristian Berger, João Teza Francisco, Mário Coan, Osvaldo Cruzeta e Pedro João Orbem. Entretanto, o vereador Edesio Marchioro (PSD) disse que o prefeito tinha intenção de colocar nesta rodovia o nome do ex-prefeito Luiz Crocetta. "A família já está, inclusive, preparando o curriculum vitae. Nós teremos que ter muito cuidado e pensar com muita coerência e consultar primeiro antes de tomar uma posição. Se estamos votando agora para não ferir esta ou aquela família, teremos que fazer o mesmo na próxima decisão”.

O vereador João Teza Francisco (PSD), o Dão, disse que votaria por ordem de chegada. "Esta indicação chegou primeiro e vou votar pela aprovação. Agora vem dizer que o prefeito quer colocar outro nome na mesma rua, mas ninguém sabia disso antes, estão avisando isso agora. O Edesio levantou esta questão que não está em pauta. Irei votar por ordem de chegada", destacou. Angela Maria Fenilli Bratti (PP) também justificou seu voto. “Quando votamos para definir a rua com o nome de Fernando Alberton Coan, a família estava toda aqui. Não poderíamos hoje trocar porque foi um ato público. Os familiares estavam aqui na homenagem com uma certa tristeza ainda pela morte do jovem”, afirmou.


Os vereadores aprovaram também o encaminhamento do Ofício 082/2015GP/CVO ao prefeito. O requerimento nº 6 de 2015, de autoria de Osvaldo Cruzetta, Cristian Berger, Pedro João Obem, Angela Maria Fenilli Bratti, Antonio Dias André e João Teza Francisco, diz: "os vereadores que subscrevem o presente, alicerçado no artigo 111 inciso II e artigo 116, inciso I e ainda no art. 2º, todos do Regimento Interno da Câmara de Vereadores, requer que seja apreciado e votado e, posteriormente à aprovação, que seja encaminhado ofício ao prefeito, requerendo informações que seguem: cópia integral do processo licitatório que sagrou-se vencedora a empresa Publicabr Consultoria e Assessoria Ltda – ME,  originando o contrato administrativo nº 101/2015; prestar informação detalhada dos serviços já prestados pela empresa Publicabr Consultoria e Assessoria Ltda – ME, que justifiquem os pagamentos realizados de nºs. 1774, 2121, 2686, 3298 e 3844, apresentando ainda as notas fiscais empenhadas; cópia integral do processo licitatório que sagrou-se vencedora a empresa DELT Engenharia e Construções EIRELI, originando o contrato administrativo nº 96/2014; prestar informações esclarecendo quais os motivos pelo atraso na realização da obra".


Terminando a ordem do dia, foi aprovada por unânimidade a indicação nº 42 de 2015, de autoria do presidente da Casa Legislativa, o vereador Mário Coan (PSDB). A indicação solicita que o Poder Executivo repasse, através de convênio, para a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Orleans o valor de R$ 20 mil para auxilio no funcionamento da entidade. A Câmara de Vereadores, por meio de economia realizada na própria Casa, devolverá essa quantia à Prefeitura. O vereador solicita também na indicação que o Executivo disponibilize uma linha telefônica para a entidade.
 

Notícias

Presidente da Câmara de Vereadores de Orleans participa de Reunião do Conselho de Desenvolvimento Regional (CDR).
Presidente da Câmara de Vereadores de Orleans participa de Reunião do Conselho de Desenvolvimento Regional (CDR).

A Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Criciúma recebeu nesta terça-feira (23) prefeitos, presidentes de câmaras de vereadores e representantes da sociedade civil dos 12 municípios pertencentes a ADR, para a realização da reunião de Conselho de Desenvolvimento Regional (CDR). Este foi o segundo encontro de 2017, e teve como foco a formação do conselho e o início dos debates no que tange como prioridades para a região.

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans
Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans

Sob a presidência do vereador Lucas Canever Librelato – PSDB, a Sessão Ordinária da 18ª Legislatura, nesta segunda feira (15/05) do ano de 2017 ocorreu de forma tranquila e ordeira com algumas votações em pauta.
Na oportunidade, Mário Coan que é Vice-prefeito e Secretário de Administração do município, apresentou balancete financeiro dos gastos municipais e do Fundo Municipal da Saúde do último mês.

Alunos da Escola Barriga Verde visitam o Legislativo.
Alunos da Escola Barriga Verde visitam o Legislativo.

Hoje pela manhã recebemos os alunos do 4ª ano da Escola Barriga Verde. Na ocasião, o Diretor Geral Sandro Luiz de Pieri, respondeu perguntas sobre o trabalho dos Vereadores, tramitação dos Projetos, dia a dia do Legislativo. Os alunos conheceram o plenário Ivan Alberton Cascaes e as demais dependências da Câmara de Vereadores.
Agradecemos a visita!

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans
Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans

Sob a presidência do vereador Lucas Canever Librelato – PSDB, a Sessão Ordinária da 18ª Legislatura, nesta segunda feira (08/05) do ano de 2017 ocorreu de forma tranquila e ordeira, com muitas votações e discussões na Casa.

Tenente Daniel Cormelatto visita o Legislativo Orleanense
Tenente Daniel Cormelatto visita o Legislativo Orleanense

Na tarde do último dia 19, o presidente da Câmara de Vereadores de Orleans Lucas Librelato, recebeu em seu gabinete a cordial visita do Comandante da Polícia Militar de Orleans, Tenente Daniel Comerlatto com o objetivo de uma parceria entre PM e Poder Legislativo.

Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans
Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Orleans

Sob a presidência do vereador Lucas Canever Librelato – PSDB, a Sessão Ordinária da 18ª Legislatura, nesta segunda feira (24/04) do ano de 2017 ocorreu de forma tranquila e ordeira com a pauta de votações aprovadas em sua totalidade por unanimidade dos senhores edis. Na secretaria da Casa Legislativa deram entrada três novos Projetos de Lei.